Parceiros do Hemose atuam na fidelização de doadores de sangue

O incentivo ao ato regular da doação de sangue vem ganhando o reforço de parceiros junto ao  Centro de Hemoterapia de Sergipe (Hemose). Um exemplo são as campanhas mobilizadas pelos líderes de grupos e movimentos engajados com a causa. “Iniciei esse trabalho no ano passado e retornamos agora no primeiro semestre com doadores e voluntários, que doaram sangue pela primeira vez nessa campanha”, destacou Anderson Santos da Silva.
Jeovanilson Lima Santos contou que decidiu colaborar com o serviço incentivado pelo amigo. “Ele já realiza outros trabalhos sociais e a doação de sangue envolve as pessoas em benefício da sociedade, por isso vim. Essa é uma causa justa”, declarou.  O colega de grupo, Felipe Santos Rocha, é doador de sangue e retornou ao hemocentro, para participar da campanha ‘Amigos de Anderson’. “Estamos aqui para salvar vidas”, resumiu.
A gerente de Ações Estratégicas do Hemose, Rozeli Dantas, explicou que as doações regulares, são essenciais para manutenção dos estoques de sangues, que diariamente abastece a rede hospitalar, responsável pelo atendimento da demanda transfusional de centenas de pacientes. Ela acrescentou ainda que as ações são instrumentos de incentivo as pessoas que querem doar e necessitam de algum estímulo.
“Todos os esforços das equipes são voltados para fidelização de doadores que contribuem com o serviço cumprindo os intervalos preconizados pela legislação do serviço de hemoterapia. O homem pode doar a cada dois ou três meses e a mulher a cada três ou quatro meses”, detalhou ao salientar que as campanhas mobilizam grupos com 20 a 50 participantes. “Essa reunião de pessoas colabora e divulga o serviço”, concluiu.
Doação de sangue
Estão aptos a doar sangue candidatos em bom estado de saúde, idade entre 16 a 69 anos, peso acima de 50 quilos. Menor de 18 anos somente com termo de autorização dos pais ou responsável legal. É necessário a apresentação de um documento de identidade original, com foto, válido em todo território nacional, pode ser a carteira de identidade, habilitação ou a carteira de trabalho. Mais informações sobre o serviço através dos telefones: (79) 3225-8000, 3225-8039 e 3259-3174.