Resíduos

O PROGRAMA DE GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS SÓLIDOS DOS SERVIÇOS DE SAÚDE - PGRSSS

 

O Programa de Gerenciamento da FSPH, constitui-se em um conjunto de procedimentos de gestão, planejados e implementados, a partir de bases científicas e técnicas, normativas e legais.

Tem como objetivo minimizar a produção de resíduos e proporcionar aos resíduos gerados, um encaminhamento seguro, de forma eficiente, visando a proteção dos trabalhadores, a preservação da saúde pública, dos recursos naturais e do meio ambiente. O gerenciamento deve abranger o planejamento de recursos físicos, recursos materiais e a capacitação de recursos humanos envolvidos no manejo dos resíduos de saúde.

 

Os resíduos podem ser classificados em:

 

  1. Domiciliares: originados da rotina diária das residências;

  2. Comerciais: originado das diversas atividades comerciais e de serviços;

  3. Público: originados dos serviços de limpeza pública urbana, incluindo todos os resíduos de varrição das vias públicas;

  4. De serviços de saúde e hospitalar: constituem os resíduos sépticos, ou seja, que contêm ou potencialmente podem conter germes patogênicos;

  5. Industrial: aquele originado nas atividades dos diversos ramos da indústria como metalúrgica, petroquímica, papeleira, alimentícia, etc.

 

De acordo com o CONSELHO NACIONAL DO MEIO AMBIENTE – CONAMA, os Resíduos de Serviços de Saúde (RSS) são:

 

- aqueles provenientes de qualquer unidade que execute atividades de natureza médico-assistencial humana ou animal;

- aqueles provenientes de centros de pesquisa, desenvolvimento ou experimentação na área de farmacologia e saúde;

-medicamentos e imunoterápicos vencidos ou deteriorados;

- aqueles provenientes de necrotérios, funerárias e serviços de medicina legal;

e aqueles provenientes de barreiras sanitárias.

 

O gerenciamento inadequado de tais resíduos pode resultar em riscos indesejáveis às comunidades, constituindo-se, ao mesmo tempo, em problema de saúde pública e fator de degradações do meio ambiente, além é claro dos aspectos social, estético, econômico e administrativo envolvidos.