O quê é Feito com o Sangue

O que é o sangue?

É um tecido vivo que circula pelo corpo, levando oxigênio e nutrientes a todos os órgãos. O sangue humano é composto por plasma, hemácias, leucócitos e plaquetas. Ele é classificado em grupos e subgrupos: ABO (A, B, AB e O) e os Rh (positivo e negativo).

No Brasil, os grupos sanguíneos mais comuns são o 'O', com 45% e o 'A', com 42%. Juntos eles abrangem 87% da população do País. O grupo B contribui com 10% e o AB com apenas 3%.  O grupo B representa 10% e o AB com apenas 3%.

Em termos de fator RH, os tipos negativos são os mais raros. O sangue 'O' Negativo é conhecido como universal. Pode ser transfundido em qualquer pessoa. Mas apenas 9% dos brasileiros possuem esse tipo sanguíneo. É muito utilizado pelos hospitais, pois, é o sangue que salva em situações de emergência.

O 'O' Positivo é o sangue mais utilizado no Brasil.

A coleta da bolsa de sangue passa pelos seguintes processos:
 

1- Fracionamento: A bolsa de sangue total é centrifugada e separada em 03 componentes:

  • Concentrado de Hemácias
  • Concentrado de Plaquetas
  • Plasma

2- Exames laboratoriais: São realizados exames para determinação do grupo sanguíneo e para detecção de doenças transmissíveis pelo sangue.

3- Liberação da bolsa: Após a realização dos exames laboratoriais, a bolsa de sangue é liberada para transfusão.

4- Transfusão: O sangue é utilizado principalmente nas grandes emergências (acidentes de trânsito, por armas, hemorragias agudas, etc), nas cirurgias e em pacientes com doenças oncológicas e hematológicas.

O HEMOSE distribui sangue para hospitais públicos e conveniados com o SUS, além de alguns hospitais da rede particular do Estado de Sergipe.

Doar sangue é simples, rápido e não dói.

É um ato voluntário e altruísta que SALVA VIDAS.